InícioPortalCalendárioGaleriaFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Capitão Zombie

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Rukia-nee-san
Rank: 2º Sargento
Rank: 2º Sargento
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 76
Personagem Favorito : Toushirou H.
Anime Preferido : Bleach, Fairy Tail
Localização : Terra do Nunca
Idade : 20
Data de inscrição : 22/06/2014

MensagemAssunto: Capitão Zombie   Sab 4 Out 2014 - 20:25

Sinopse:
Sem memórias, congelado de sentimentos. O capitão de gelo transforma-se numa arma sanguinária para todos os seus oponentes. Entre as inúmeras vidas que o albino suga, uma humana surge entre os corpos caídos. Então a misteriosa mulher se apresenta, se denominando-se Karin.



Capítulo 1 - Reencontro Peculiar

Toushirou Hitsugaya, ex capitão do décimo esquadrão, dizimava aqueles que em tempos foram seus comparsas. Os gritos angustiosos, as exclamações por clemência só adocicavam os instintos sádicos do actual zombie.

Corpos caiam uns em cima dos outros e o capitão nem se dava ao trabalho de pelo menos vê-los cair, acabava de dizimar uma alma e caminhava logo para a sua próxima vítima. Morte, era isso que conduzia a mente do albino insensível.

Sem memórias nada o abalava, nem intimidava. Seu corpo se mentalizara a realizar aquilo pela qual fora transformado: ceifar vidas. O sangue escarlate jorrava-se no chão, permitindo ao ex shinigami encarar seu reflexo impiedoso na seiva sanguinária. Sorria macabro sempre via que o sangue das suas vítimas se juntarem num só.

Entre os corpos abandonados vislumbrou, ao longe, uma fraca fisionomia, mas em oposição às restantes, esta não fugia dele, antes caminhava em sua direcção. Por um momento o albino se surpreendeu. Porque não fugia, queria morrer? Essa ideia não lhe agradava, ele gostava que suas presas tivessem esperanças vãs de poderem livrar-se dele, que lutassem por sua vida, ele queria ser o causador do desespero delas, queria destruir todas as suas esperanças no último segundo de vida das vítimas. Era assim que funcionava sua caçada.

Ao levantar o nevoeiro, a figura de uma mulher surgiu, claramente não era uma shinigami. Seu rosto dócil lhe era familiar, seus olhos ónix assemelhava-se às profundezas da perdição, seu cabelo negro tão sedutor. Quem era aquela mulher?

- Karin.

Ele olhou desconexo para a mulher. Sua voz era melodiosa. Porém, era estranho, ela respondeu à sua pergunta mesmo ele não a tendo pronunciado. Como ela adivinhou?

- Toushirou, nós conhecemo-nos. Podes ter perdido as memórias e ter virado um assassino mas certas coisas nunca mudam.

O sorriso dela, será que ela tinha consciência de que era uma presa sua? Que ela não hipóteses de vencer contra ele? Não haveria a menor chance de ela poder escapar.

- Vou-te matar. Não importa quem tenhas sido.

- Eu sei, mas eu tenho esperança.

- Nunca vais conseguir fugir de mim agora.

- Não, eu não pretendo fugir. Tenho esperanças é de ainda esteja dentro de ti o velho Toushirou.

- Impossível.

- Não, não é… Mesmo que não te lembres de nada… Eu tenho em mim as nossas memórias Toushirou. Mesmo que isso custe a minha vida, eu vou-te fazer recordar do menino da primária que tu és e que sempre foste.

As palavras dela o espantaram, arregalando os olhos, ele sabia que o que ela dizia era verdade. Seu sorriso, sua determinação, ele podia sentir o que ela sentia. E por uns breves momentos, o zombie quis lembrar-se do seu passado, lembrar-se daquela jovem que tivera mais coragem e ousadia que um exército de shinigamis. Mas porque ela se arriscava tanto assim? Para a sua mente assassina não fazia sentido tudo o que ela fazia.

- Porquê?

- Ora Toushirou, eu já disse. Certas coisas não mudam, e o meu sentimento por ti não mudou.

- Amas um zombie?

- Não. Eu amo o Toushirou certinho e rabugento, tanto me dá se é um zombie ou um shinigami. Todos estão mortos mesmo.

Mesmo não querendo ele caminhou em sua direcção, com a zanpakautou pingando sangue no seu trajecto. Ele não queria mas tinha o dever de o fazer, mesmo ela tendo despertado sensações que nunca ninguém tinha conseguido. Era a missão dele, o seu destino.

Karin percebeu suas intenções mas nunca se sentiu intimidada, nunca mostrou arrependimento de ter vindo e isso só atiçava a curiosidade do albino que prosseguia seu caminho. Empunhando a zanpakutou ele a desceu até o peito da Kurosaki para a perfurar, um morte rápida, sem sofrimento. Pela primeira vez, Hitsugaya quis evitar fazer dano a alguém.

Um som rasgo preencheu os ouvidos de todos os mortos presentes. A Kurosaki ficou atordoada ao constatar que o assassino rasgou o seu tecido de roupa intencionalmente em vez de seu coração, a lâmina gélida tocava na pele rósea da humana sem contudo a machucar, mas se ela se mexesse um milímetro sequer, iria se cortar gravemente. Ela buscou o olhar dele, tentando desvendar em seus intensos olhos turquesa a resposta para a acção inesperada dele.

- Tu és a minha memória. Se eu te matar, irei aniquilar o único que me resta do meu lado shinigami. Iria destruir uma parte de mim.

- Pensei que não te importasses com isso.

- E não, eu me importo contigo.

- Mesmo não te lembrando de mim?

- Eu acho que no fundo sempre me lembrarei de ti.

Karin sorriu genuinamente arrancando outro sorriso de Toushirou. O albino começou a pensar, talvez quando ouviu o nome dela, não tenha sido ela a pronunciar-se, mas fosse a sua própria voz do inconsciente. Talvez ele a tenha chamado durante todo este tempo e só agora percebeu isso. No fundo Hitsugaya era uma outra vítima dos planos macabros dos quincys.

- O que pensas fazer agora Toushirou?

- Quantas vezes terei de dizer?

Karin ficou confusa com aquela resposta. Quer dizer ela queria saber em que lado ele iria lutar naquelas guerra e ele respondia com outra pergunta?

- É capitão Hitsugaya, Kurosaki.

O sorriso de canto genuíno de Toushirou veio acompanhado do esclarecer dos olhos turquesa, com sua pele voltando à tonalidade normal e não o extremamente bronzeado. Karin ficou assombrada, acompanhando com o olhar toda a transformação, o regresso do capitão de gelo. Um sorriso aberto rasgou a face da morena, enquanto uma lágrima travessa escorria pelo seu rosto.

- És tu Toushirou!? Lembraste-te!

- Obrigado Karin.

- O que disses-te?

- “Karin”, não é esse o teu nome?

Toushirou riu zombadeiro e a Karin o abraçou fortemente, sendo imediatamente correspondida. Ela estava muito feliz, ele tinha voltado.

- Ficas a dever-me um jogo de futebol.

- É justo, voltaremos a jogar contra os do secundário?

- Universitários agora.

- Sempre metida em encrencas, deve ser mal da família Kurosaki.

A humana começou a gargalhar após a breve observação do capitão. Estava radiante por finalmente o ter reencontrado, por estarem juntos. Ela não soube como conseguiu sentir mas ela sabia que Toushirou estava perdido, que precisava de ajuda. Não conseguiu explicar aqueles momentos de conexão, como se as suas almas estivessem ligadas pelos laços vermelhos do destino, com um nó para desvendar e finalmente se encontrarem.

Quando soube que ele precisava dela, roubou alguns aparelhos de Urahara Shop’s e veio para a Soul Society clandestinamente, e não se arrependia minimamente por isso.

Karin afastou-se do abraço observando seus olhos intensos brilharem mais que antes. Ela não evitou, teve de o fazer mesmo sabendo que ele iria reclamar com ela, ela tinha que o fazer.

- Estás mais alto Toushirou, nada mal para um menino do ensino fundamental.

Sorrindo, a morena colocou a mão no topo da cabeça dele dando algumas palmadinhas bagunçando suas madeixas brancas. Porém desta vez, ela teve de se pôr em biquinhos de pés o poder alcançar.

Mas Toushirou não reagiu como era esperado, não exclamou o nome dela, não gritou nem pareceu ficar irritado. Limitou-se em agarrar seu pulso firmemente,de encontro ao seu peito, selando timidamente seus lábios com os dela. Ficou perplexa pelo gesto inesperado, mas retribuiu-o sem hesitar.

Toushirou não encontrando resistência nela, usou a língua para entreabrir os lábios de Karin. Estremeceu ao sentir as mãos ousadas caminharem pelo seu peito até seu pescoço, com as suas unhas o arranhando levemente.

Ele possessivo entrelaçou seus braços na cintura dela enquanto mordiscava seu lábios inferior como se sugasse o sabor de uma fruta madura.

Percebeu que ela precisava de oxigénio, acabando por afastar seus lábios unindo as suas testas, retomando ao diálogo anterior.

- As coisas mudam Karin, estou mais alto do que tu agora. Mas outras coisas nunca mudarão não é mesmo?

Karin ruborizou completamente, ela nunca esperou que ele se lembrasse desse pequeno detalhe, da declaração dela. E pela declaração implícita dele, mas bem vindo do Toushirou isso era um grande avanço. A Kurosaki permitiu-se rir, mesmo envergonhada, como há muito tempo que não o fazia.

- Hai!

O futuro é incerto, não é possível prever nada do que pertence ao amanhã. E no meio de tanto inconsistência e incerteza talvez, só talvez, o casal tivesse seus destinos entrelaçados desde o começo.



No meio da guerra um sorriso genuíno surgiu, um amor se reencontrou… E talvez todas as mortes tenham servido para um plano maior.

_________________
"Pinga, pinga, gota."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nyu-chan
1º Tenente
1º Tenente
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 609
Personagem Favorito : Nyu
Anime Preferido : Madoka Magica
Localização : Atrás de você
Idade : 18
Data de inscrição : 22/06/2014

MensagemAssunto: Re: Capitão Zombie   Dom 5 Out 2014 - 20:06

*-* Isso foi tão lindo que eu estou simplesmente sem palavras (especialmente a última parte, adorei a Karin chamando o Toushirou de "Garoto do Primário", me soou tão nostálgico...)
Simplesmente amei, e espero do fundo do meu coração que tenha mais

_________________
Três palavras: agora são cinco

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lidi_Nalu
2º Tenente
2º Tenente
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 395
Personagem Favorito : Nastu,Lucy,N
Anime Preferido : Naruto Shippuuden, F
Localização : Em Algum Lugar... ^^
Idade : 19
Data de inscrição : 23/06/2014

MensagemAssunto: Re: Capitão Zombie   Seg 6 Out 2014 - 17:30

Awwww... Ameeeiiiii! Sooo Cute! *o*

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Capitão Zombie   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Capitão Zombie
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Cosplay
» Capitão da FEB 1945 (1/8) Mauro Miniatures.
» Capitão Rodrigo - Mauro Barbosa Miniatures 54mm

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Anime Neo :: -- ÁREA FANFIC' ! -- :: FanFic's-
Ir para: