InícioPortalCalendárioGaleriaFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Magi : Falling Down

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
>>Moon<<
Rank: Taifeiro
Rank: Taifeiro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 18
Personagem Favorito : Judal
Anime Preferido : Magi ~ SAO ~ Sailor
Localização : São Paulo
Data de inscrição : 21/07/2014

MensagemAssunto: Magi : Falling Down   Sab 6 Set 2014 - 13:15

"A presença vinha cada vez mais em minha direção, eu tinha que agir!"

Estava chegando nos guardas que logo tentaram me aprender por estar perto do portão do Palácio, então os persuadi dizendo:

-Estou aqui para acompanhar o Rei de Sindria Simbá!

-Sim, pode entrar.

Quando eu pisei com meu pé direito adentrando os portões do Palácio senti rapidamente a presença poderosa bem atrás de mim sendo rapidamente lançada sobre mim ....e tudo escureceu..........



Pov's Judal

Estava seguindo até o portão do Palácio , aquele montuado de gente na frente dele era extremamente irritante, passei empurrando todos com o meu ombro, todos me olhavam com cara de susto pareciam terem visto um fantasma , estava chegando mais perto do portão quando senti uma presença tranquilizadora e calma porém poderossisima vindo de lá , comecei a andar um pouco mais rápido, o que era aquilo? Queria saber, parecia interessante , acabei chegando no portão e quando eu terminei de falar com os guardas de que vim de Kou senti algo me empurrar e tropecei e cai, rapidamente senti a poderosa presença vir até mim bem na minha frente porém não consegui ver nada só vi algo escuro....

10 minutos depois....

-Oe será que esses dois estão bem? Eles estão já bastante tempo desacordados....

-Não sei só sei que eu queria ser esse garotão aí ele é muito sortudo por cair com a cabeça nos peitos de uma garota tão Bonita assim, jamais vi tanta beleza em uma mulher só!

-O-oque?... - acordei me sentindo tonto,estava dolorido porém meu rosto estava bem macio....estava delicioso ficar ali em cima de algo fofo.Espera onde eu estava?Me levantei meio tonto e olhei para baixo me apoiei nesse negócio fofo tentando recobrar minha conciência, eu havia caído perto daquela presença forte e ai tudo escureceu...olhei para baixo e vi...a-a a ga-garota mais linda que já vi,fiquei surpreso eu havia esbarrado nela...olhei para onde eu estava apoiado...senti meu rosto queimar de vergonha mas eu também abri um sorriso malicioso, eu estava segurando seu peito com tudo, seus peitos eram bem grandes e seu rosto era bem delicado e gentil deixando um ar de beleza sobrehumana.Ela era magnifica , com este corpo e rosto podia conquistar a tudo e todos!

Tirei minha mão do corpo dela antes que ela percebesse, fiquei sentado ao seu lado esperando ela acordar o que não demorou muito, ela acordou reclamando um pouco da dor que sentia nas costas, então olhou melhor a situação e seus olhos chegaram ao encontro dos meus, fiquei encarando-a e ela ficou me olhando todo depois voltou seu olhar para mim seus olhos possuíam uma cor azul clara o que lembrava os céus.

-Oe,você tá bem?

-Sim, o que aconteceu?

-Eu fui empurrado por algum maldito e cai cima de você, enquanto entrava pelo portão. - eu disse irritado.

-Entendi...- disse ela se levantando. - Meu nome é Asuna.Maga.

-Judal.Magi de Kou. - respondi com orgulho de mim mesmo.

-Entendi agora...

-Entendeu oque? – Garota estranha, o que ela estava pensando? É mesmo e aquela presença poderosa? Será que foi ela?

-Nada deixa pra lá!Vem vamos nós dois entramos aqui porque temos cada um seu negócio para resolver e não podemos nos atrasar venha! - Disse ela me puxando fortemente pela mão, sua mão era quente e tranquilizante e claro muito macia também.



Pov's Asuna

Fomos andando à caminho da porta que dava até a sala do trono onde o Rei Ahbmad estava, aquele homem sem compaixão.eu estava puxando Judal junto comigo...ele era muito bonito...ele também é um magi porém de Kou, me interessei rapidamente por ele porque ele é bonito, forte, corpo definido, com um olhar assustador , porém de garoto ainda e poderoso...ele era perfeito.

Chegamos abrindo à porta e fazendo um pouco de barulho, todos pararam de falar e olharam para nós dois, nem me importei, fui chegando mais perto do Simbá e quando paramos ele disse:

-Asuna oque está fazendo aqui?

-Vim ver como estavam indo as coisas porque meu propósito neste mundo é o mesmo que o seu Simbá. - disse gentilmente o encarando.

-Tudo bem então....e você Judal?? Oque está fazendo aqui? – Disse Simbá com uma expressão de dessespero.Judal parecia pular de alegria por dentro, por saber que trazia dessespero para aquele homem.

-Owwww, se não é o Rei idiota Simbá!! Hahaha eu vim aqui em nome de Kou sou o sacerdote deles agora. - disse Judal empolgado.

-Não sabia que estava ajudando Kou agora.- disse Simbá surpreso.

-Eu já tenho 5 capturadores de Dungeons lá! - Disse mais empolgado ainda.

-Agora me diga Judal...-disse Simbá enquanto Judal comprimentava o banqueiro. - Porque você e Asuna estão de mãos dadas? - Perguntou apontando para nossas mãos juntas.

-Ahn? - respondemos nos olhando, abaixamos o olhar e vimos que estávamos de mãos dadas isso fez nossos rostos corarem, abaixamos o olhar e nos afastamos.

-N-não é da sua conta Rei idiota. - disse Judal incomodado.

-isso n-não é oque parece...- disse com minha foz meio falhada.

-hm...- disse Simbá.

-Agora se me deêm licença que eu tenho outros assuntos à resolver. - Disse o Rei Ahbmad, ignorando Simbá e Alibabá.

O banqueiro ficou esperando mais ao lado da direita de Alibabá enquanto este gritava loucamente perdido por compaixão pelos pobres e pela sociedade que estava sofrendo, aquele homem Ahbmad não era um Rei de verdade.Fui mais para frente perto de um pilar onde Judal estava encostado só olhando a situação entediado, encostei no pilar perto dele e perguntei:

-Magi Judal, você veio de Kou?

-Sim!Lá é o meu império! – disse ele com um tom empolgado meio arrogante.

-Como é lá? - Eu nunca tinha visto o império Kou, então fiquei curiosa sobre o império.

-Lá é bem grande, nós temos vários príncipes e princesas e temos 5 capturadores de Dungeon.Porque? - perguntou no final me olhando com interesse.

-Que legal...porque eu nunca vi Kou...e fiquei interessada.

-Quer que eu te leve um dia lá?- disse alegremente.

-Sim. – respondi feliz pelo convite dele.

-Você irá admirar tanto poder! - disse Judal com olhar vitorioso. - Você irá conhecer todos os principes e princesas!

-Estou já gostando de como você fala.

Depois de tanto conversarmos, finalmente Alibabá desiste de implicar com o Rei e chora, Simbá o leva para fora e vou junto deles e só os acompanho sem nada a dizer.Alibabá não tinha conseguido mudar de idéia o Rei e a sociedade ficaria desapontada com a incompetência dele , oque não era a verdade pois todos nós sabiamos que Alibabá era capaz sim de salvar todas essas pessoas porém negociação com aquele Rei não daria certo, ele teria que agir mais agressivamente se quisesse ganhar alguma coisa para aquelas pessoas.

Já estava de noite quando chegamos na favela onde Alibabá se juntava com seu grupo, Simbá subiu num palco improvissado e disse que Alibabá explicaria tudo oque aconteceu.Claro todos esperavam o melhor...mas....:

-As negociações de hoje falharam. - começou Simbá - Todas as nossas exigências foram completamente ignoradas, então devemos oficialmente nos opor contra o exército nacional.

As pessoas sussurravam que este era o fim deles, Alibabá estava acabado e não sabia oque fazer além de pensar que era incompetente, eu estava olhando com serenidade para ele e assim que Simbá percebeu sorri para ele e ele me olhou, ele tinha entendido oque eu quiria dizer:

-O que é o fim para vocês? - perguntou preocupadamente com entusiasmo. - Até agora vocês só poderiam lutar como ladrões.Mas hoje pela primeira vez , vocês foram capazes de lutar justamente.Lembrem-se do motivo do qual os fez levantarem as espadas.Para os salvarem da pobreza.

Sim, isso é um Rei de verdade.Eu o estava ajudando à guiar Alibabá, e ainda o fazendo deixar de ser um garoto chorão e virar um verdadeiro princípe.

-Têm alguém aqui que realmente acha que é o fim? - terminou fazendo esta pergunta supreendendo à todos.Nunca há um fim enquanto houver pessoas dispostas a salvar vidas, enquanto houver esperança, enquanto nós estivermos aqui. - Certo, então eu irei imprestar toda à minha força para vocês! Derrotarei qualquer um que eles enviarem.Se o seu país perseguir vocês então o meu os aceitará! O mundo ainda está cheio de coisas irracionais mas vamos aceitar aqueles que querem lutar contra elas. Criei meu próprio país para fazer o bem.

Todos se impressionaram, não era à toa que um verdadeiro Rei estava ali.Simbá os havia feito criarem coragem e encontrar a esperança.Isso era só o começo de tudo, eu vou ajudar e apoiar à todos que necessitam de ajuda.

Estavamos meio que comemorando até que ouvimos alguém chamar Simbá:

-Oe Simbá!

Simbá e todos nós olhamos para quem estava no alto, era ele! Judal estava em seu tapete voador.

-Então era aqui que você estava vossa estupidez. - disse Judal pulando fora de seu tapete e vindo para onde nós estavamos.Ele estava com bom humor parecia.

-Judal. – Disse Simbá com desgosto.

-É aquele cara de antes! - Disse Alibabá.

-Ele veio! - Disse eu feliz.

-Judal Ahbmad ordenou que viesse aqui? - perguntou desconfiadamente Simbá.Porém não era isso que ele pensava.

-Hã? Ah nada disso não! - Disse Judal com desgosto. - Não dou à minima para nenhum desse dois.

-Oque você exatamente planeja em fazer nesse país? – perguntou Simbá desconfiado de algum plano malvado de Judal.

-Não sei, não tenho interesse na economia.Eu realmente gosto é.... .....da guerra!

Todos se assustaram, eu não eu já sabia que ele tinha esse gosto de uma maneira ou de outra dava para ver em seus olhos cor de sangue, porém apesar de eu desejar o bem, fazia tempo que eu não fazia parte de uma guerra.Mas se eu fizesse eu ganharia sozinha sem ajuda de ninguém.

-O império Kou é forte mesmo!Temos 5 capturadores de Dungeon.Eles até conseguiram fazer o exército de monstros de Dungeon. Isso não é demais? – disse ele empolgado.

-Seus malditos... - disse Simbá reclamando.

-Ah,não me entenda mal. Aquele que eu realmente quero me aliar é você Simbá! É por isso que você deveria se apressar e conquistar o mundo comigo. – disse Judal.

-Jamais me tornarei um bonequinho para você. – Respondeu rispidamente Simbá.

-De novo essa resposta? - terminou perguntando Judal meio que já satisfeito, porém ele percebeu uma anormalidade nos Ruckh olhou para Alladin...essa não.

-Oe, os Ruckh envolta dele estão estranhos.

-Ele é um magi assim como você. - Judal ficou um pouco perplexo e disse:

-Hã um tampinha como ele é um magi?Está de brincadeira certo?Magis são magos da criação,eles são incriveis e fortes.Até parece que posso aceitar que existam outros além de mim. - E depois foi andando amigávelmente até Alladin, eu tinha que fazer algo antes que...

-Você reagiu há ele precisamente porque ele é um magi certo? - Simbá, fique quieto.Isso foi o sufuciente para tornar Judal agressivo com Alladin.

-Ei tampinha, eu sou o Judal.E você? - perguntou estendendo à mão para comprimentar Alladin

-Eu sou Alladin.

-Entendo Alladin , é um prazer camarada Magi.

Alladin ia estender sua mão para comprimenta-lo então eu fiz uma barreira invisível em Alladin, Judal aproveitou a oportunidade e atacou dando um soco em Alladin, porém tudo oque encontrou foi o nada sua mão ficou paralisada na barreira invisivel.Alladin caiu para trás sentando no chão não entendendo sua situação, todos ficaram supresos então eu apareci ao lado de Judal e falei:

-Judal! - disse o chamando, ele virou em minha direção e sua expressão assasina se tornou feliz.

-Asuna!Oque faz aqui?

-Judal, haha ia perguntar o mesmo.

-Eu vim procurar o Senhor esupidez. - disse apontando para Simbá.

-Eu vim ver como estavam meus amigos. - disse apontando para Alibabá, Morgiana e Aladdin. - Judal oque você está fazendo?

-Estava vendo se esse tampinha magi é bom...porém parece que ele é lento. – disse desaprovando Aladdin.

-E porque sua mão está no ar ainda? – perguntei apontando para sua mão no ar.

-Porque aqui tem alguma barreira invisível.

-Foi o Aladdin que fez, ou seja ele percebeu que você o iria atacá-lo.

-Foi o Tampinha? - disse Judal se virando novamente para ele.Encarou e depois sorriu de canto.

-Não, não foi o Tampinha..Oe Simbá porque você planeja se aliar à este tampinha? – ele percebeu uma outra magia que não era de Aladdin.

-Não é isso, só aconteceu de nos esbarrarmos.- Disse Simbá tentando tranquilizá-lo para ele não tomar nenhuma atitude louca.

-Se é assim então tudo bem.

-Judal, você achou que Simbá iria se aliar ao Aladdin e por isso o bateu? - Perguntei já sabendo a resposta.

-Só fiz para provar ao Simbá quem é o melhor magi.Ah é mesmo tampinha, você deveria trazer o seu candidato à rei.

-Candidato à rei? -perguntou Aladdin, ainda surpreso por não ser atingido.

-Você tem um ou dois em algum lugar por ai não é?

-....

-Oque você não vai me contar? Está bem eu mesmo procuro por ele. - Judal ativou os olhos reconhecedor de Dijin.Ele procurou a marca de algum até que achou em uma espada ao lado de Aladdin, assim que viu tirou sua visão e olhou para ver quem era e....se deparou com Alibabá.

-Te achei....Oque?? É o cara que estava enchendo o Ahbmad. Hahaha, aquilo foi bem divertido, você estava gritando altamente mais ele apenas o ingnorou, e ainda no final você chorou,você é realmente um inútil.

-Ele não é inútil! - Gritou Aladdin.Eu so o olhava sem expressão, vendo o que o magi iria fazer.

-Hã?

-O alibabá - kun não é inutil!Eu acredito nisso.Pois vi o Alibabá-kun fazer coisas que ninguém se atreveu a fazer.Ele sabia que não poderia ser reconhecido, mas foi até lá pelo bem de todo mundo.Alibabá é uma pessoa corajosa!

-Caramba tampinha, você acha mesmo que ele é tão incrível assim? - Disse judal debochando dele.-Não entendo mesmo.

Judal pegou sua varinha mágica e fez uma bola de magoi e lançou Alibabá para trás.

-Viu? Ele é fraco.- Disse reclamando e desaprovando muito o Alibabá.

-Alibabá-kun! - Disse Alladin

-Alibabá - san! - Disse morgiana

-Judal! - Gritou Simbá o chamando, Judal se virou para ele e perguntou:

-Oe Simbá, porque você fica se juntando com gente tão entediante? Isso é idiotice.

Aladdin chamou os Ruhk com seu cajado, chamando a atenção de Judal.Isso era ruim, tinha que os parar antes que algo ruim acontecesse com o Aladdin, ele não era paréo para Judal.Os Ruhk envolta de Aladdin me lembravam do que eu vim procurar....Me lembrava o passado.

-Está falando sério? - Encarou Judal. - Parece que você está falando sério a respeito dessa luta.

-Não é que eu queira lutar com você, mas irei para-lo se tentar algo mais.

-Aladdin... - chamei ele com a voz doce. Ele me olhou sério e disse :

-Asuna nee - san , eu preciso...eu preciso para este homem! – fiz que sim com a cabeça mas estava preocupada com ele.Judal...sentia um enorme poder negro vindo dele..

-Há.

-Parem com isso, vocês dois! - Gritou Simbá.

-Cale a boca Simbá.Isso é uma luta entre magi.Um mero humano não tem direito de interfirir.Além do mais você nem poderia me impedir se quisesse você não tem um recptáculo de metal.

-Tsc...Marsur.

Marsur, atacou Judal mas não funcionou, a barreira mágica de magoi não iria ser rompida assim tão facilmente.

-Isso não é bom, nós não podemos usar nossos recptáculos de metal do familiar.

-Porcaria.

-há.Então vamos começar a festa , Magi tampinha!Vamos arrebentar tudo com tiroteio de magoi.

Interessante fazer festa com magoi, hahaha Judal não sabe oque fala, eu queria fazer parte mas se eu libertasse mais meu poder eles...deixa irei ficar somente de olho, se algo ruim acontecer com um dos magis eu irei interfirir.

-Lá vou eu!

Judal chamou os Ruhk criando uma bola emensa de magoi e começou a atirar em todos os lugaresm, destruindo tudo.

-HAhaha, vou te encher de buracos! - E no fim atirou em Alladin, que já estava com sua bola de magoi pronta, assim que Judal atacou usou um escudo de magoi o defendendo.

-hã?

Alladin sem falar nada , levantou seu cajado e atirou sua bola de magoi em Judal, que desfez sua barreira mágica.Isso era chamado de Cancelamento mágico dos Rukh.

-Oque? Então é assim?Ei tampinha, vamos parar.Parece que tirotei de magoi é inútil, nossos Rukh vão se cancelar já que temos a proteção dos Rukh.DEvemos lutar com magia!

-Magia?

-Oque?Você é um magie nem sabe disso?Então deixa eu te ensinar, tampinha.Magoi é a energia pura criada pelos Rukh, um ataque que apenas junta magoi e atira não é tão forte.Como você acabou de ver, irá danificar as coisas ao nosso redor.Msa se você comandar os Rukh que criam a energia... - Disse Judal juntando magoi e os transformando em raios. - Dessa forma um trovão mágico é criado! - E atirou para cima de Alladin que tentou defender com um escudo de magoi puro, porém não adiantou era muito potente o poder do trovão e acabou passando pela barreira acertando o magi.

-Oe , oe já foi mandado para o espaço tão facilmente?

Assim que a fumaça se dicipou Judal percebeu o Dijin de Alladin,Ugo-kun e ficou surpreso.

-Então isso é magia? - perguntou Alladin.

-Uau tampinha.Você tem algo interessante ai.Essa forma gigante de gênioSó magi como nós poderia invocar algo assim.

-Tudo bem, reconhecerei sua habilidade.Mas você ainda não viu oque minha mágica pode realmente fazer.

Judal mandou seus Rukh buscarem água para provavelmente os usar contra Alladin ou fazer gelo.

-Balbbad é a cidade da neblina, eu posso reunir quanta água eu quiser e comandá-la.E se eu controlar ainda mais...- Disse ele comandando sua magia tranformando a água em gelo. - posso usar minha especialidade : magia de gelo!

-Hahaha é ainda cedo demais para se supreenderem!Só estou prestes a mostrar minha habilidade especial! – disse Judal mostrando-se mais poderoso do que mera magiazinha.

Então o bloco de gelo gigante, se quebrou fazendo várias lanças de gelo em volta de Judal.

-Tome isso, Sarg Arsarros!

E lançou suas lanças contra todos ali , a maioria correu e conseguiu se refugiar, um dos seus gelos veio em minha direção e eu somente usei um dedo para desfaze-los , claro que ninguém percebeu isso.Outra lança foi para onde estava Alladin e seu Dijin que destruiu a lança fazendo Judal ficar impressionado :

-Nada mal. - Dizendo isso ele reuniu um pouco mais da água que tinha sobrado e criou mais lanças de gelo. - Mas que tal isso?

-Ugo-kun. - disse Alladin para seu amigo Dijin, que reagiu assim que o foi pedido, ele se lançou acima de Judal e com sua mão o acertou, a barreira de magoi de Judal o defendeu , mas a força era tanta que ele foi lançado contra o chão gritando e fazendo poeira subir no ar.Fiquei preocupada com Judal, mas ele estava intacto e rindo:

-Esse cara é forte.Mas não vá pensando que venceu.Ainda tenho gelo sobrando. - Dizendo isso, rapidamente Judal fez um gesto para o céu e o gelo ia acertar Alladin, Ugo-kun se lançou na sua frente e o protegeu deixando as lanças o ferirem nas suas costas.

- Ugo-kun!! - gritou Alladin preocupado, Alladin ainda é muito novo e é ingênuo sobre certas coisas assim como todas as pessoas à sua volta neste momento, Ugo-kun meu "pai" não morreria assim tão facilmente,aliás ele é um Dijin, Dijins não morrem assim.Magoi saia de suas feridas porém não o machucara tanto quanto todos pensavam, inclusive Judal achando que teria vencido assim tão facilmente.

-Haha, parece que ele é idiota!

-Preciso dar mais poder a ele...! - Disse dessesperadamente Alladin tentando salvar seu amigo, isso na realidade não era necessário , Ugo assim que retornasse recuperaria seus ferimentos, Alladin gastaria seu magoi para nada.Ugo levantou-se fazendo Alladin cair no chão de brusos

-Ele é forte isso tenho que concordar, mas ainda assim parece que isso o machucou, Está vendo? Tem magoi saindo das feridas dele.

-Ugo-kun!! - gritou Alladin preocupado. - Porque está fazendo isso com a gente?

-Por quê?Bem por que estamos lutando? Bom, tanto faz você também é um magi e por isso deveria entender.Tenho tanto poder sobrando que não consigo usar tudo!Graças a isso, fico entediado todos os dias.Mas hoje tem sido um dia até que divertido!Por isso brinque um pouco mais comigo, magi tampinha!

Todos ficaram perplaxos com oque Judal disse, parecia que ele era serial killer ou algo do tipo, achavam que ele era louco e que tinha problema, mas isso é o que eu chamo de sede de guerra quando se tem muito poder em suas mãos, teve uma faze minha onde isso já chegou a acontecer, mas é passado e sobre isso não quero comentar.

Ugo tentou se levantar e Alladin estava implorando para ele parar de se esforçar e tentava o convecer a voltar para a sua flauta.Ugo não iria parar tão cedo assim, estava na cara ( ou no tronco, porque Ugo não tem cabeça.) que ele queria mais briga com Judal e provavelmente queria o derrotar.

-Vamos brincar um pouco mais, tampinha! - Disse Judal lançando um raio até Alladin, Morgiana rapidamente o pegou e o salvou. - Oque tem essa garota? Ela é muito rapida!

-Aqui seu maluco maldito!

-Hã?

Alibabá foi para cima de Judal com sua faca, mas a barreira mágica o impediu, então ele usou o poder do Dijin para acertar Judal, assim a barreira se desfez e cortou a vbochecha de Judal o deixando bravo, ele pegou sua varinha e usou um pouco de magoi lançando Alibabá para longe.

-Alibabá-kun! - gritou Simbá.

-Não atrapalhe, vamos lutar como magi até eu me satisfazer antes de eu assasinar esse tampinha!

Ugo não aguentou ouvir isso sobre Alladin e com um soco desferiu em Judal, o acertando em cheio em seu abdomeno jogando de lado, o escudo o protegeu porém ele foi lançado assim mesmo como da última vez.Fiquei preocupada com ele.

-Oque raios foi isso? - perguntou Judal, que mau respirou e já foi sendo amassado em seguida.

-Judal! - gritei.

Ele gritava de dor enquanto tentava ressistir a super força de Ugo-kun.Logo uma fumaça surgiu, oque havia acontecido? Judal se levantou empurrando pedaços da parede que se quebraram em cima dele, dessesperado disse:

-E-espera ai!Oque está acontecendo com esse Dijin?

Mal terminando de falar ele foi socado e empurrado para trás para uma parede.

-Judal! - gritei novamente.

-Ugo-kun, já chega! - falou Alladin.

Judal se laventou e falou:

-Ei tampinha, esse Dijin está trapaceando!Você já parou de dar magoi para ele certo? - rapidamente fez gelo e o lançou contra o Dijin que andava em sua direção, mas não funcionou Ugo usou sua ferida que estava saindo magoi para desfazer as lanças de gelo, e continuou andando em direção de Judal.

-Isso quer dizer que ele está usando magoi de outra pessoa, ele nem é seu Dijin!! - Judal vuou e invocou uma bola de magoi atacando Ugo, ele se defendeu e assim que isso aconteceu rapidamente Judal usou uma enorme lança e o perfurou em cheio no peito assustando a todos, Ugo já estava quase em seu limite mas não iria parar, não deu 1segundo que Judal disse:

-Venci!

Ugo-kun levantou suas duas mãos e ficou precionando elas contra Judal, tentando o amasar o escudo de Judal estava o protegendo mas não por muito tempo, antes que algo ruim o acontecesse não pensei duas vezes e me teleportei para dentro do escudo de Judal, ele se assustou e olhou para mim e disse:

-Oque está fazendo Asuna, ficou maluca?

-Te protegendo. – Os olhos dele se arregalaram e ele ia reclamar de alguma coisa mas antes..

Ergui uma mão e aumentei o escudo, juntando o meu com o de Judal , Cada um de nós dois usavamos nossos magois para fazer o escudo assim ele ficaria mais forte se juntássemos, Ugo não conseguia quebrar e pelo que parece, comigo ali ou não ele nos amasaria de qualquer jeito ele não havia me reconhecido.Depois de um tempo sem sucesso Ugo percebe a fraqueza do escudo e ataca a parte de cima dele, cortando ao meio me separando de Judal, assim que consegue se vira para ele e o amasa com as duas mãos novamente, e eu gritei:

-Ugo-kun, volte para a flauta agora!

E nada...assim Judal irá...

-Ugo-kun Chega!

Então Judal não consegue mais aguentar a pressão e seu escudo quebra:

-NÃOOOOOOOOOOO!! Judal! - gritei, com lágrimas. - Ugo-kun oque você fez?

Todos ali estavam paralisados com a situação, Ugo-kun praticamente o amasara e deixara todo quebrado, assim que o soltou corri até o corpo de Judal chorando, eu estava nervosa e com raiva de Ugo, ele não era assim porque ele fez isso? Porque machucou o magi assim? Fiquei ao lado de Judal....até que...

_________________
Meu Tumblr ;D
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Magi : Falling Down
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [DISCUSSÃO] Top 10:Musicas asiáticas que não me saem da cabeça.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Anime Neo :: -- ÁREA FANFIC' ! -- :: FanFic's-
Ir para: